badge
Terça-feira, 25 de Março de 2008

Bolas

 

 

Bolas, bolas bolas e berlindes.....

O meu telemóvel apanhou uma virose e pum..... não liga.

Lá tive de o levar à loja onde o comprámos para arranjar. O que vale é que está dentro da garantia, porque foi comprado em Novembro (foi uma das prendas de aniversário) senão era um dinheirão e nem valia a pena arranjar. O que me vale é que tenho tudo guardado no cartão de memória. Tudo não, os números de telefone estão guardados na memória do telefone e vou ficar sem eles. Também quem me manda a mim não ter feito uma cópia de segurança???!!!

Aproveitei e fui buscar a máquina fotográfica que também tinha pifado por altura do Carnaval. Parti o Display (é assim que se escreve?!) e lá foi o dinheirinho que tinha guardado para o arranjo. Tinha-me sido oferecida pelo Padrinho no Natal, ainda estava na garantia, mas como estava a tal coisa partida e não era avaria tive de pagar. Fiquei furiosa.

 

Lembram-se de ter dito que já tinha feito os trabalhos de Matemática? Pois, enganei-me. Ainda me faltavam 60 expressões numéricas. Já fiz 30 e as restantes vou deixar para depois.

 

 

 

Fui almoçar com o pai. Há muito que não ia. Fartei-me de rir com ele. Agora também tem Net, mas não percebe nada daquilo. Estive a dar-lhe umas pequenas explicações, mas não sei se resultaram... Ele baralha tudo. Diz que percebo muito disto, mas não percebo.... ele é que não percebe nada, mas mesmo nada. Mostrei-lhe o meu blogue, porque nunca mais o tinha visto e achou que estava giro. Gostou dos bonequinhos que tenho posto, mas não gostou das imagens do Harry Potter.... Paciência.

Bolas, bolas e agora?  O que faço sem telemóvel?

 

2 comentários:
De amulherdetrintaanos a 25 de Março de 2008 às 23:31
Olha, lê um livro. Podes também tentar inscrever-te numas aulas de piano e, de cada vez que te apetecesse teclar, treinavas. Ou então, podes sempre comprar um cartão para usares, em casos de emergência ou cusquice inevitável com uma amiga, na cabine telefónica mais próxima... mas talvez o inevitável seja partilhares do telemóvel materno. Outra ideia: podias inventar um concurso com as tuas amigas e estabelecer a meta de uma semana sem telemóvel, arranjando alternativas de comunicação (a net só deveria valer em casos extremos). Seria uma espécie de regresso ao passado e vocês fariam de cientistas observando como antes as pessoas viviam sem telemóvel e felizes também! Na tua idade comecei a abusar do tefone fixo... não havia outro...
De Estupefacta a 27 de Março de 2008 às 10:50
Olá Sofia
Tem razão, estamos muito dependentes do telemóvel.
Ontem comprei um livro da colecção "O Clube das Amigas" e o livro é «Tantas lágrimas para quê». Estes livros tratam de temas ligados à adolescência e são bons.
Obrigada pelas sugestãos, são bem giras. A dos cientistas agradou-me muito.
Beijinhos**** :)

Podes dizer

LilypieNext Birthday Ticker

adopt your own virtual pet!

Eu sou assim, mas...

. 139 seguidores

myspace layouts, myspace codes, glitter graphics

Passaram por aqui:

counters

Estive a pensar

Ele está

Banho Maria

Para ti e para mim

TEENAGER

Aos Seus olhos

Ano novo

Grande ausência

Tipicamente

Senti-me importante

Pois é, também sou

Baú das Bonecas

links

cool dancer
eXTReMe Tracker
blogs SAPO
RSS